terça-feira, 25 de agosto de 2009

O Engenheiro da Vida



Por Fabrícia Moura


Hoje enquanto voltava para casa de ônibus, fiquei pensando sobre as dificuldades que nos aflingem. Pensei: "Porque será que estou passando por tudo isso?", pensei se Deus teria me abandonado, ou esqueceu de mim num canto da sala e foi resolver outros assuntos.

É acho que foi isso, mesmo esqueceu-me no canto e saiu!

Parece muito fácil pensar assim, mas durante algum tempo, enquanto procurava alguns versículos para escrever e meditar, sempre vinha na mente a passagem onde Jesus estava no barco e Ele dormia! Acho que Ele está dormindo dentro do meu barco, e eu estou como os apóstolos, morrendo de medo da chuva.

Pode até parecer mensagem da Ana Maria Braga, mas a diferença é que nao sei como dar a resposta para sair dessa cegueira e ver que nao existe tempestade, ou até mesmo crer que Ele está no barco e dormindo. Pois bem, vamos por partes, o barco é o meu coração, e entendemos que barco é um meio de transporte, nesse caso vamos analisar o que estamos transportando: raiva, ira, chateação, dor, solidão, fadiga... é melhor parar por aqui!

Então primeiro temos que trocar o que estamos transportando, vamos ver: paz, calma, mais um pouco de calma, perdão, amor, mais uns 3 conteiner's de amor, acho que dá!

Como uma boa Géografa vamos analisar o combustivel, para nao danificar o meio...! O que nos move? Além das pernas. Boas palavras, otimismo, entusiasmo e amor, outra vez. Agora então vamos alimentar o barco com mais qualidades que saem da nossa boca.

O mais importante seria alguém que saiba navegar e conduzir o barco, e o melhor comandante para esse barco se chama... JESUS! E além de um ótimo comandante Ele é muito bom navegador e metereologista, pois sabe como ninguém acalmar uma tempestade.

Pronto!

Podemos navegar pelo mar da vida! É só confiar no comandante, analisar bem a carga, esperar que o navegador nos guie e acreditar que o metereologista saiba se sair bem das tempestades!

Acho que é por isso que Jesus dormia, Ele acreditava que Deus o conduziria e lhe daria a calma necessária nos momentos de aflições.

Durante 3 dias da minha vida aprendi algo que nao vou esquecer e que mudou o meu jeito de pensar com relação ao meu Deus:

Deus é meu pai, meu papai, e mesmo estando do jeito que estou, Ele me aceita e sabe de todas as minhas aflições, e por mais que pareca dificil, o que devo fazer é confiar no Amor do meu Pai e acreditar que Ele cumprirá todas as suas promessas em minha vida.

Boa viagem.

"E eis que sobreveio no mar uma grande tempestade. Entretanto, Jesus dormia.

Mas os discípulos vieram acordá-lo, clamando: Senhor, salva-nos!Perecemos!

Perguntou-lhes, então, Jesus: Por que sois tímidos, homens de pequena fé? E, levantando-se repreendeu os ventos e o mar; e fez-se grande bonança.

E maravilharam-se os homens, dizendo: Quem és este que até os ventos e o mar lhe obedecem?"


Mateus 8: 23-27