quarta-feira, 9 de novembro de 2011

PARA ONDE EU IREI?

Por Fabrícia Moura

Quando penso em fugir, me esconder de Ti... Escuto sua voz dizendo:
- Ainda Estou aqui...
Quando digo que não quero conversar, simplesmente me calar... Sua voz diz:
- Se quiser conversar Estou aqui...
Quando quero chorar e começar a perguntar porque, Sua voz me diz:
- Não é porque e sim para que...
Quando me deito e falo que estou cansada para ora, o Senhor me diz:
- Tudo bem, mas ainda estarei aqui...
Quando olho para o céu e pergunto onde estás que não me ajuda, Sua voz me diz:
- Calma você vai entender...
Se sinto medo de prosseguir e penso que vou desistir, escuto Sua voz dizendo:
- Eu vou acalmar a tempestade...
Se caminho procurando respostas, sinto sua presença:
- Eu sou contigo...
Se me sinto só, sem solução, sem ânimo para seguir, escuto Sua voz dizendo:
- Descansa em mim...
Se grito por socorro, sem saber para onde ir, sinto Sua voz em mim dizendo:
- Eis-me aqui!

Porque ainda habitas em mim? Ah! Senhor, tão pequena sou diante do que Tu és, e mesmo assim estás aqui!
Só posso entender o Teu amor, ao olhar a Cruz e saber que ali se manifestou o Seu mais profundo amor!
Obrigado!

" NÃO HAVENDO AINDA PALAVRA ALGUMA EM MINHA LÍNGUA, EIS QUE LOGO, Ó SENHOR, TUDO CONHECES." SL 139:4