quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Prosseguindo...

Por Fabrícia Moura

Escuto sempre em igrejas ou de pessoas que Deus está no controle de tudo, escutar isso é uma coisa, mas sentir essa frase dentro de você é uma situação totalmente inesperada.

Esse ano para mim foi um tanto complicado, acho que Deus escolheu o ano de 2010 para testar um pouco da minha fé e confiança no seu Amor, não pensava em ser tão abalada como nesses últimos dias, coisas passadas têm retornado, tentando me dar medo e insegurança, mas como tudo que vem de Deus é incrivelmente perfeito, descobri que até essas inseguranças me deram força.

Estava escutando uma nova música do Diante do Trono que se chama canção do Apocalipse, e algumas imagens foram feitas de acordo com os relatos de João o apóstolo, fiquei aqui pensando quão grandioso e poderoso é o nome de Jesus, pensei em quantas vezes eu joguei a cruz no chão e pisei sobre ela, tentando fugir dos meus problemas ou pensando que Deus havia se esquecido de mim.

Por vezes enquanto tentava orar, perguntava a Deus o que estou fazendo de errado, e não ouvia uma resposta sequer, mas sempre quando ligava uma música a resposta vinha em forma de adoração. Ele não desistiu, não desanimou de mim, e sei disso porque estou viva e que acordo todas as manhãs por causa da sua doce misericórdia.

Não vou ser um peregrino num caminho perdido cheio de curvas, mas sim num caminho reto, mesmo com dificuldades e batalhas, porque como diz no salmo 23, mesmo que eu ande pelo vale da sombra da morte não temerei mal algum por que Tu estás comigo......

Tudo nessa Terra passará, homens, poder, dinheiro, e o que eu terei de mais precioso é a presença e o Amor do Salvador, estou recomeçando, tomando novamente a cruz e prosseguindo....

Adorar é a solução, e mesmo se de joelhos eu cair, adorarei, me prostrarei, porque não existe outro como Ele, não existe outro caminho, nem solução para a minha vida senão a CRUZ.

JESUS!

Eu sou o Alfa e o Omega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso. Apocalipse 1:8

E eu, quando vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; Eu sou o primeiro e o último.
Apocalipse 1:17